Assalto ao Banco do Brasil de Serra do Ramalho deixa um Guarda Morto

Pela terceira vez, em pouco mais de seis meses, a agência do Banco do Brasil de Serra do Ramalho, cidade vizinha de Bom Jesus da Lapa, foi assaltada. Cinco homens fortemente armados chegaram num Toyota Corolla e anunciaram o assalto.

Segundo informações fornecidas pelo vereador Clóvis de Oliveira, (PSC) de Serra do Ramalho, o delegado de polícia, guardas municipais e agentes da civil saíram em perseguição aos bandidos e ao localizá-los houve confronto e troca de tiros e o guarda municipal Adelson Pereira da Silva teria sido abatido. Jailson Rodrigues, também guarda municipal e Wilian Andres, policial civil foram atingidos e foram transferidos para o Hospital de Bom Jesus da Lapa, região do Médio São Francisco.
De acordo com Dr. Marcos, delegado de polícia, o bando abandonou o carro e fugiu a pé levando todo o dinheiro. Várias equipes das Polícias Militar e Civil estão no encalço dos assaltantes.
Em função dos constantes assaltos, Serra do Ramalho corre o risco de perder a agência do Banco do Brasil devido a cidade não oferecer condições mínimas de segurança para o funcionamento de uma instituição financeira.
A agência do BB já havia sido assaltada no dia 31 de outubro de 2011 e no último dia 16 de fevereiro deste ano.
Desde o início de 2011 a Bahia vem assistindo a inúmeros assaltos a agências bancárias por todo o interior, semana após semana grupos fortemente armados invadem cidades pequenas com segurança tipicamente irrisória, prato cheio para este tipo de ação rápida e quase sempre eficiente.
Coincidentemente o problema começou justamente quando os projetos de pacificação nas favelas cariocas foram intensificados entre o final de 2010 e início de 2011.

Comentários

*