O município de Caculé, situado na região sudoeste da Bahia,próximo a Brumado, foi palco de um crime de sequestro neste sábado (06). Pelo menos é o que indicam os indícios verificados pela população e imprensa regional junto às autoridades. As suspeitas da polícia que já eram sólidas, ficaram ainda mais acentuadas com o fato do carro do médico cardiologista Eberthe Medeiros, 32 anos, que mora em Caculé e trabalha no Centro Médico Bem Viver, ter sido encontrado abandonado na BA-617 que liga Caculé a Condeúba na manhã deste sábado (06).

De acordo com o que se apurou até o momento, o médico que é mineiro, natural de Espinosa, atua profissionalmente em Caculé e região há cerca de 4 anos, tornando-se bastante conhecido e respaldado como exclente profissional, devido ao brilhante trabalho que vem desenvolvendo nesse período. Dr. Eberthe e família pode ter sido surpreendido pelos meliantes que rondavam seu cotidiano, no intuito do sequestro.

Segundo informações de familiares e amigos, um suposto membro da quadrilha já teria entrando em contato com a família e fixado o valor do resgate. O médico estava acompanhado de sua esposa e dois filhos pequenos. As informações colhidas recentemente, ainda não confirmadas, dão  conta de que o médico, a esposa e os filhos foram deixados no Distrito de Iraundiara, município de Jacaraci, após ter sido pago um valor de resgate de R$ 18 mil.

Em se confirmando tal crime, teremos elevado o nível de violência na região, incluindo sequestros, coisa antes rara por estas bandas. Vale a recomendação de atenção redobrada nas rodovias e até estradas vicinais da região.

Compartilhe... Share on Facebook5Share on Google+0Tweet about this on TwitterPin on Pinterest0Share on LinkedIn0Print this pageEmail this to someone